Conversa com Thomaz

sábado, 13 de julho de 2024

João Pedro sai da disputa em nome de um projeto nacional

O pré-candidato ao governo do estado do Amazonas pelo Partido dos Trabalhadores, o ex-senador João Pedro Gonçalves, está fora da disputa.

Em uma coletiva de imprensa que aconteceu na tarde desta segunda-feira, 13 de junho, na sede do PT, Avenida Constantino Nery, 508, João Pedro fez um pronunciamento, em seguida leu uma nota onde informa que não fará mais parte da disputa eleitoral deste ano para governador:

Eis a nota:

Há cerca de um ano, um valoroso grupo de militantes do Partido dos Trabalhadores começou a discutir a importância de termos uma candidatura de esquerda, que defendesse o legado do PT e dos governos Lula e Dilma no nosso estado e que implementasse um verdadeiro governo democrático e popular no Amazonas. Assim, apontaram o nosso nome, por nossa trajetória política e de vida pública, para liderar esse projeto.

Aceitamos esse honroso desafio e lançamos a nossa pré-candidatura ao governo do estado do Amazonas, que ganhou apoio dentro do PT, de parte do campo de esquerda e de setores democráticos da política do nosso estado.

Contudo, nunca dissociamos esse projeto da nossa meta maior, que é a retomada de um projeto nacional que resgate a nossa democracia, nossa soberania e a esperança do povo brasileiro, expressada na eleição do presidente Lula em 2022.

No último dia 06 de junho, em reunião do Grupo de Trabalho Eleitoral – GTE Nacional, presidida pela presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, que contou com a presença de dirigentes dos partidos da nossa federação, Vamos Juntos Pelo Brasil, além de representantes de outros partidos aliados, que já nos apoiam no primeiro turno, o presidente Lula, que estava presente na reunião, fez um pedido para que retirássemos a nossa pré-candidatura, a fim de que se avancem articulações políticas, que fortalecerão o nosso projeto nacional.

Desta forma, por entendermos que nunca foi tão importante a eleição do presidente Lula e tudo que ela representa diante das ameaças à nossa democracia, bem como ao Bioma Amazônico e os nossos povos tradicionais, principalmente os povos indígenas e os ribeirinhos, decidimos, em comum acordo com os companheiros e companheiras que nos apoiaram nessa luta, retirar a nossa pré-candidatura ao governo do estado.

Ressaltamos que confiamos no presidente Lula e na nossa direção nacional na condução desse processo político tão importante para a vida futura da sociedade brasileira.

Lula já lidera as pesquisas de intenções de votos no estado do Amazonas. Continuaremos empenhados na sua pré-campanha no estado, rumo à sua vitória já no primeiro turno. Queremos aqui agradecer a todos e todas que acreditaram e se empenharam nesse projeto coletivo e defenderam nossa candidatura, destacando que o momento é de coesão para a nossa causa maior.

Dentre as várias lideranças que nos apoiaram, destacamos o deputado federal José Ricardo, a quem externamos a nossa gratidão e desejamos sucesso na sua reeleição.

Dito isto e mais uma vez agradecendo à todas e todos, minha família, imprensa e toda a mídia, jornalistas – que sempre nos trataram com muito apreço – à sociedade em geral e à militância do Partido dos Trabalhadores, concluímos esta nota.

Vamos à luta e Lula-lá!

Manaus (AM), 13 de junho de 2022.
João Pedro Gonçalves da Costa

Ainda participaram da reunião o Deputado Federal José Ricardo; o dirigente sindical e representante da FETAGRI, Milton Soares; a advogada Mary Faraco de Andrade, representante do MATI-AM; o sociólogo Lúcio Carril, além de representantes da sociedade civil organizada, jornalistas, militantes e lideranças comunitárias.

GALERIA:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *