Conversa com Thomaz

domingo, 14 de abril de 2024

Dinheiro público sai pelo ralo na CMM

Por Thomaz Antonio Barbosa

O presidente da CMM, David Reis, continua esfomeado,e versátil no que diz respeito a usufruir da verba pública em benefício de poucos,  no caso, os vereadores de Manaus.

Depois da Justiça lhe impedir de construir um “puxadinho” de R$ 32 milhões, de tentar distribuir caminhonetes aos vereadores ao valor mensal  de R$ 8,300 cada, alegando ser “instrumento de trabalho”, ele faz mais um peripécia.

Dessa vez ela aumentou o famigerado “cotão” para R$ 33 mil e, de quebra, deu mais 10 assessores para cada um dos parlamentares da Casa.

Esse é o presente merecido, por quase um de braços cruzados durante a pandemia, aos membros de um poder que vive a pior relação custo-benefício da história.

O apetite de David,  além de engordar o bolso, visa emplacar seu pai, o secretário Sabá Reis, em uma chapa majoritária no próximo ano, provavelmente apoiada pelo prefeito David Almeida, no caso com o governador Wilson Lima na cabeça.

É unir o útil ao agradável,  a fome com a vontade de comer, rir das pessoas,  debochar do cidadão trabalhador aos olhos das autoridades,  todas de braços cruzados, vendo o dinheiro público ser usado para deleite de uma minoria.

…..Não condiz com a realidade da pátria,  da cidade e do cidadão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *