Conversa com Thomaz

quinta-feira, 18 de abril de 2024

“O presidente nunca me deu ordens diretas para nada”, disse Pazuello.

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello disse nesta quarta-feira (19) à CPI da Covid que o presidente Jair Bolsonaro não lhe deu, “em hipótese alguma”, ordens diretas sobre tratamento precoce contra a doença.

Pazuello foi questionado pelo relator, senador Renan Calheiros (MDB-AL), sobre eventuais ordens de Bolsonaro sobre medicamentos como a cloroquina, que não tem eficácia contra a doença.

Em hipótese alguma. O presidente nunca me deu ordens diretas para nada“, respondeu Pazuello.

Pazuello foi à CPI amparado por um habeas corpus concedido pelo ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), que o permite ficar em silêncio sempre que entender que as perguntas possam levá-lo à autoincriminação.

Leia mais: http://g1.globo.com

Imagem: g1.globo.com / Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *