Conversa com Thomaz

sexta-feira, 5 de agosto de 2022

Domingo em casa, com sardinha ao forno e Deus à mesa

(imagem: Alfredo Fernandes)

Apesar de tudo, o melhor almoço de domingo é em casa. Pela sua natureza, este dia é santificado. Hoje, 04, começou com uma chuva linda, limpa, antioxidante, desintoxicante, lavando a cidade, convidando para a paz que se inicia após os temporais.

O almoço de domingo em casa é santo, apesar da oferta da cidade, dos encontros com amigos, da cervejada. Não que a segunda, a terça… o sábado não sejam dias de comunhão, mas é que no domingo se tem a dose exata do “tempero” familiar, do silêncio necessário.

Teremos sardinhas ao forno no almoço, e aquela guarnição doméstica. Na tradição amazônica é dia de comer peixe, normalmente assado ou à moda de cada um, família ou grupo reunido nessa hora santa. Os ingredientes são básicos e não pode faltar amor e fraternidade.

Depois de servida a mesa, faça uma oração de agradecimento. Alimenta o corpo e a alma!

Bom apetite!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.